Fora do coletivo não há salvação

por Jorge Miguel Presidente


Postado em 2 de Fevereiro 2018 as 11:09



Estudo da CNT aponta que o transporte individual cresceu mais do que três vezes o transporte ferroviário, mesmo assim, a quantidade de passageiros transportados pelo sistema sobre trilhos aumentou 30%. Os dados analisados referem-se ao período de 2011 a 2015.

O estudo identificou que a frota de veículos dedicada ao transporte individual cresceu 24,5% gerando mais carros nas ruas, mais congestionamentos e mais deseconomias: mais tempo gasto, desperdício de combustível, baixa produtividade das frotas de transporte coletivo de passageiros e de carga, mais poluição e outros males que a redução da mobilidade pode gerar. Falta transporte coletivo: de massa, de qualidade, público ou privado.

O transporte de passageiros por fretamento é coletivo, não é de massa, é privado e é de qualidade e por isso atende uma demanda reprimida que deseja e pode pagar por um transporte melhor, mas que, sem incentivos dos poderes públicos (o que não quer dizer subsídios), têm poucas ofertas e prefere a cada dia o transporte individual.

No final da década de 2000 o transporte de passageiros por fretamento foi severamente reprimido. A Pesquisa de Mobilidade da Região Metropolitana de São Paulo realizada em 2012 mostrou uma queda do número de passageiros transportados pelo fretamento de 22%, enquanto que o transporte individual cresceu 19%, dados comparados com a mesma pesquisa de 2007. Todos os demais modais tiveram crescimento.

Sob este quadro, não reprimir já pode ser considerado como um incentivo.

Quem ganhou com isso? Os que defendem o transporte individual como solução de mobilidade e, portanto, perdemos todos.

O fretamento tem frota para atender a demanda por serviço de qualidade, as empresas operadoras são especialistas e participam do mercado com recursos próprios, sem subsídios, correndo riscos e com todas as incertezas de uma economia em crise que nos três últimos anos, com a queda do PIB, voltou aos níveis de 2010.

Perdemos oportunidades e o coletivo perdeu para o individual, mas é possível reverter e estamos à disposição.

Vamos buscar.

Jorge Miguel

Presidente


Busca
Últimas Posts

Mais lidas essa Semana


Leia Mais

Departamento de Transportes Públicos (DTP) Disponibiliza Agendamento Eletrônico para Todos - Cadastro e Controle de Transporte Diferenciado.

Desde o último dia 15, o Departamento de Transportes Públicos (DTP) disponibiliza agen ...

Leia Mais

Artesp Autorizou a Entrada de uma nova Operadora no Mercado de Pedagiamento Eletrônico

A Artesp autorizou a entrada de uma nova operadora no mercado de pedagiamento eletrônico nas r ...

Leia Mais

Edital de Concessão para Estacionamento Rotativo em São Paulo

Edital de concessão para estacionamento rotativo em São Paulo foi publicado e obriga o ...

Leia Mais

Território Educadores

A Prefeitura de São Paulo, em parceria com a organização United Way Brasil, ina ...

Leia Mais

Reformar é preciso, provavelmente

A partir de novembro entra em vigor, provavelmente, a Reforma Trabalhista. Provavelmente, por que j& ...

Leia Mais

Feliz Dia dos Professores

Ninguém seria o que é, se não fosse por eles. #DiadosProfessores #15deOutubro ...

Baixe agora nosso Aplicativo

E você poderá acessar documentos e ficar por dentro de todas as informações sobre o TRANSFRETUR.

2018. Transfretur®. Desenvolvido por Talentum Informática